- O evangelho fast food

  • PDF

 

 


 

O evangelho fast food

 

A palavra fast food em inglês significa comida rápida, ou seja uma alimentação para quem não tem tempo de se alimentar de uma forma adequada, também identificamos que o evangelho de Deus em muito tem sido anunciado e pregado adequando-se as pessoas, já não é o evangelho que modela a vida das pessoas, mas as pessoas estão modelando o evangelho,  e o enquadrando conforme as suas preferências. Muitos vivem o evangelho da relatividade, tudo é relativo, tudo é conforme a sua interpretação.

Em muitas vezes quando ministro a palavra, deixo muito claro de que “não somos nós que determinamos à maneira que vamos servir a Deus, mas é Deus quem determina o modo de como vamos O servir”.

Jesus quando ministrava ele não dizia o que as pessoas queriam ouvir, mas o que elas precisavam ouvir, e o que elas ouviam de Jesus ia de encontro a sua realidade, não da sua comodidade e bem estar, veja que no livro de João  6:60, a bíblia diz: - Muitos, pois, dos seus discípulos, ouvindo isto, disseram: Duro é este discurso; quem o pode ouvir?

A bíblia afirma que o evangelho é o poder de Deus (Rm 1:16), mas este poder é para a salvação daquele que crê, e quando a bíblia afirma que “como creram se não há quem pregue”? (Rm 10:14), é porque este crer esta ligado ao pregar o evangelho do reino, um evangelho sem atalhos.

 Interessante o que diz em “(II Timóteo 4:3) - Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências;”, ou seja, muitas pessoas não querem ouvir a sã doutrina, porque esta, vai mexer com a sua estrutura, com a sua comodidade, com o seu bem estar, por isso é muito mais fácil para estas pessoas o evangelho fast food, pois em não ouvindo o evangelho do poder, pensam que poderão minimizar a sua culpa no pecar.

È sabido que a alimentação no fast food não faz bem a saúde e com o tempo vão aparecer às conseqüências desta má alimentação, me lembro quando trabalhava em um horário que não conseguia almoçar uma comida decente e comia os tais fast food, por muito tempo sofri de terríveis dores estomacais decorrentes dos lanches rápidos. Sabemos também que a palavra é alimento para as nossas vidas, e precisamos nos alimentar adequadamente, para não sofrermos as conseqüências de um evangelho fast food.

O evangelho fast food alem de ser prejudicial é mais caro, sim, vai te custar mais dinheiro, por que neste negócio é vender mais em menos tempo. E nestes locais existe uma grande rotatividade de pessoal, o que não qualifica a alimentação deste estabelecimento, como muitas “igrejas fast food”, que há uma rotatividade muito grande, trazendo uma deficiência no seu ensino, pois não se estabelece bases bíblicas para se trilhar.

Devemos estar alertas, para não cairmos nisto, pois mesmo sendo duro o nosso discurso, e quem é que vai querer ouvir, pois é somente assim que alguém consegue viver o evangelho de poder e por conseqüência, ter as palavras de vida eterna (João 6:68).

 

Continuarei, trazendo as diferenças entre:

Evangelho fast food X evangelho de poder...

 

 

José Carlos, pr