Feliz é a nação cujo Javé (YHWH) è o Senhor


Uma reflexão sobre o atual momento político e cristão do Brasil

No Brasil cerca de 90% da população se declara cristã, um excelente dado, se o cristianismo que se professa no Brasil não estivesse na sua maioria totalmente distorcido.

Herdamos uma cultura cristã baseada em princípios católicos onde permanecemos durante séculos mergulhados nas trevas, distante do verdadeiro propósito de Deus para uma nação, que é ser “SENHOR”. O catolicismo com a distorção do evangelho, levou além do Brasil, muitos outros países a mergulharem neste período de trevas. Assim, historiadores chegaram à conclusão de que o mundo foi marcado por três grandes épocas, das quais, em apenas duas épocas presenciaram-se acontecimentos de progresso e evolução da raça humana no plano intelectual e cultural: a época dos gregos e a das invenções modernas. Dessa forma, a idade média foi compreendida como uma época de retrocesso do pensamento, de atraso intelectual, científico e cultural. Uma época em que o domínio da fé obscureceu as "luzes" da razão e emperrou o progresso. Ao longo de vários séculos após o término da idade média, o termo foi cada vez mais visto de forma "pejorativo", chegando a ser fortalecido ainda mais por outro conceito mais forte de: "idade das trevas". nguage:PT-BR"="letter-spacing:1.0pt;mso-ansi-language:PT-BR"">[i]

Foi esta a herança que os clérigos cristãos católicos deixaram para nós, mas como Deus tem um projeto de implantar o Seu reino entre nós, começou a construir uma reforma no sistema de coisas engolida pela religião. Esta religião que havia assumido o papel de Deus e do governo de alguns países ditando os mais absurdos conceitos e preconceitos, a ponto de matar pessoas em nome de Deus.

O que isto tem haver com o momento atual do Brasil?

Tem tudo haver, pois o que Deus começou a fazer esta resultando no avanço de uma fé verdadeira, sem as distorções impetradas pelo catolicismo romano aqui no Brasil, basta conhecermos a história completa da igreja cristã e todos os seus seguimentos e identificaremos que Deus não parou na restauração de sua noiva, a igreja.

O Brasil tem alcançado da parte de Deus uma atenção especial, pois a igreja tem conquistado o mundo espiritual, que por muito tempo foi ignorado pelos chamados cristãos. Deus tem levantado uma geração Apostólica, que não tem medo de enfrentar este mundo tenebroso das trevas e da maldade, esta geração abre a sua boca profética para denunciar o pecado seja de políticos, governantes, lideres religiosos e pais de família e que faz confissão destes pecados e se identifica com cada um deles, se humilhando e se arrependendo para buscar a redenção desta nação brasileira.

O momento político que vivemos, é apontado por muitos como um desenvolvimento orquestrado por uma ideologia política, e que a desarticulação de quadrilhas especializadas em sugar o erário público é apenas uma combinação de uma política que combate a corrupção, que a manutenção da economia brasileira em seguro crescimento, nada mais é que ações de pessoas inteligentes do governo, ou seja, tudo o que o Brasil esta experimentando, elege-se como responsável, apenas ações políticas baseadas no intelecto e ação do homem.

O que passa desapercebida por muitos cristãos é que o crescimento do país coincidentemente acontece com o crescimento da igreja, ou seja, desde o momento em que a igreja tomou uma postura diferente e tomou as armaduras de Deus para combater nas regiões celestiais o domínio das trevas, não somente o país mas como também a igreja vive tempos diferentes. É chegado um novo tempo, uma nova era apostólica que tem estabelecido o avanço do projeto de Deus sobre a terra, especialmente aqui no Brasil.

Precisamos refletir muito, pois o que estamos experimentando tem tudo haver com o momento do crescimento do evangelho no Brasil, por isso o texto que lemos em Sl. 33:12 nos diz que feliz é a nação cujo Javé é o SENHOR, sabemos que ainda temos muito que avançar na propagação do evangelho, mas pesquisas e estudos dão conta que no ano de 2020, seremos aproximadamente 50% de evangélicos no Brasil, ou seja, para um país que em que quase a sua totalidade se denomina cristã, ainda desconhece o que é servir a Javé, e o crescimento de novos nascidos em Cristo esta fazendo a diferença em nossa nação. Muitos herdaram uma cultura cristã sem realmente saber quem é Deus, mas agora o evangelho tem penetrado o coração destes “cristãos” sedentos por Deus, e eles tem se voltado para Ele e reconhecido que somente Ele é SENHOR, abandonando suas praticas de idolatria, feitiçaria e uma vida de pecado .

Agora, você acha que satanás esta indiferente quanto ao que esta acontecendo? Todos sabem que a derrota do diabo é certa,assim como ele sabe, mas ele tenta retardar este dia, por isso ele esta empenhado em impedir o avanço da igreja como ele fez com a igreja primitiva. Antes ele perseguia a igreja fisicamente, não deu certo, pois a igreja crescia cada vez mais. Já que satanás não conseguiu interromper o avanço da igreja pela perseguição, resolveu infiltrar-se dentro dela para corrompê-la e fazê-la apostatar da fé e por muitos séculos satanás conseguiu estabelecer seu plano e teve domínio sobre o entendimento das pessoas deixando-as sem entendimento algum quanto ao verdadeiro evangelho. Mas como falamos anteriormente, Deus tem um projeto maravilhoso para a sua igreja e Ele mesmo, o próprio Javé começou a levantar homens e mulheres que tiveram o discernimento de quem estava por traz daquela falsa religiosidade. Era o próprio satanás e se posicionaram contra o domínio das trevas e ajudados pelo Espírito santo deram inicio ao processo de restauração da igreja, e isto não parou, pois somos reflexo desta restauração, que esta focada em um único propósito, fazer a glória de Javé conhecida em toda nação.

Como que satanás conseguirá parar novamente a igreja? Só existe uma maneira, pois todas as estratégias do inimigo já são conhecidas, e o Ap. Paulo nos recomenda não ignorá-las (2ªCo.2:11), pois o Espírito santo tem dado a direção e as estratégias de como combater as ações do inimigo contra a nossa vida e contra a igreja, ele só pode nos parar naquilo que cremos como foi com Daniel (Daniel 6:5 - Então estes homens disseram: Nunca acharemos ocasião alguma contra este Daniel, se não a acharmos contra ele na lei do seu Deus.), satanás hoje esta trabalhando fortemente com seus adeptos para criar leis que nos impeça de pregar a verdadeira fé, ou seja, contra a idolatria, espiritismo, homossexualismo, prostituição, imoralidade e tantos outros princípios estabelecidos na palavra de Deus.

Deus quer ser Senhor do Brasil, mas primeiro nós devemos desejar que isto aconteça, por isso precisamos buscar cada vez mais estarmos sintonizados com a direção do Espírito Santo, para que ele nos conduza na direção exata do seu propósito.

O reflexo da política e do cristianismo que estamos vivendo na atualidade tem haver com a restauração da igreja do Senhor, a sua noiva que precisa ser aquela que e estará adornada, sem ruga e sem mancha alguma. Satanás tentara combater de todas as formas o avanço da igreja, por isso ele esta agindo de forma sutil, através de uma perseguição moral, espalhando um pensamento de que Deus não se intromete em política e que as pessoas são livres para escolherem seu comportamento e este pensamento entra em confronto com a palavra de Deus, pois deus estabeleceu a igreja para ditar o comportamento dos indivíduos dentro de uma sociedade que se denomina cristã, pois não existe diferença para o cristão dentro ou fora da igreja no que diz respeito a sua vida espiritual e ao seu comportamento (I Timóteo 3:15 - Mas, se tardar, para que saibas como convém andar na casa de Deus, que é a igreja do Deus vivo, a coluna e firmeza da verdade), ou seja, os princípios que Deus estabeleceu para sua igreja são coluna e firmeza da verdade, mas querem calar a nossa voz tentando nos fazer acreditar, que nós cristãos nascidos de novo, é que estamos errados.

Concluo dizendo que estamos experimentando uma liberação tremenda da parte de Javé sobre nossa comunidade, tem sido um tempo de colheita para a igreja, nossas expectativas estão quase superadas antes do final do ano quando estabelecemos a meta de 100 pessoas passando pela trilha de treinamento. Isto nada mais é que o desejo de Deus se cumprindo na sua igreja. O meu maior temor é que a igreja venha sofrer um retrocesso devido a falta de discernimento dos cristãos elegendo nestas eleições políticos que fazem de tudo para barrar o avanço da igreja, para impedir que a igreja tenha a liberdade de se manifestar publicamente a sua fé e os princípios que regem a sua fé.

Vivemos um tempo muito especial na nação e na igreja, será isto apenas uma coincidência?

“Feliz é a nação cujo Javé é o Senhor”.

José Carlos, pr



[i] Fonte: http://pt.shvoong.com/humanities/idade-das-trevas

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar